Feeds Ricardo Amorim Facebook Ricardo Amorim Twitter Ricardo Amorim Linkedin Ricardo Amorim Youtube Ricardo Amorim

Mudanças sim, mudar não

postado em Artigos


05/2017

Por Ricardo Amorim
 

 

Todos querem que a corrupção acabe… todos menos os corruptos.

 

Todos sabem que o foro privilegiado e a indicação política dos juízes do STF não podem continuar…todos menos os que se protegem com isso.

 

Todos acham as regras previdenciárias de políticos, juízes e militares absurdas… menos políticos, juízes e militares.

 

Todos acham inaceitável que servidores públicos tenham um regime previdenciário muito mais generoso que os outros…todos menos os servidores públicos e seus familiares.

 

Todos querem reformar a Previdência de políticos, juízes, militares e servidores públicos mas reformar o INSS, que só no ano passado precisou de R$150 bilhões, que poderiam ter ido para educação, saúde ou segurança, para complementar os benefícios que as contribuições não cobriram, nem pensar.

 

Todos de acordo que a dívida das grandes empresas com o INSS têm de ser cobradas, mas muitos atrasados nos pagamentos de suas próprias dívidas.

 

Todos descontentes com a educação, mas ninguém chocado que o governo brasileiro direcione nove vezes mais recursos per capita para gastos previdenciários do que para a educação de nossas crianças.

 

Todos querem menos impostos, produtos mais baratos e salários maiores, mas ninguém quer que o governo reduza seus gastos para que os imposto possam cair para que isso aconteça.

 

Todos de acordo que algo radical tem de ser feito para reverter o crescimento da informalidade e do desemprego, que deixou dezenas de milhões de brasileiros sem condições de sustentar suas famílias. Algo radical menos reformar a CLT para que as empresas contratem mais e menos gente trabalhe na informalidade, sem direitos trabalhistas efetivos.

 

Em meio aos escândalos bilionários de corrupção que não param de emergir, é compreensível a revolta da população e a impressão de que se eliminássemos a corrupção, os outros problemas brasileiros desapareceriam.

 

Infelizmente, a corrupção não será eliminada, sequer reduzida substancialmente, sem que nos mobilizemos para que os corruptos sejam exemplarmente punidos. Os corruptos sempre estarão organizados para que isto não aconteça. Além disso, se a corrupção for eliminada, os demais problemas brasileiros serão reduzidos, mas nenhum deles será eliminado. Temos de trabalhar para resolver cada um deles também.

 

Sabendo que as mudanças não vão acontecer se não mudarmos também, fica a pergunta: você quer mudanças, mas está disposto a mudar?

 

Ricardo Amorimautor do bestseller Depois da Tempestade, apresentador do Manhattan Connection da Globonews, o economista mais influente do Brasil segundo a revista Forbes, o brasileiro mais influente no LinkedIn, único brasileiro entre os melhores palestrantes mundiais do Speakers Corner e ganhador do prêmio Os + Admirados da Imprensa de Economia, Negócios e Finanças.

Quer receber meus artigos por e-mail? Cadastre-se aqui.

 

Clique aqui e conheça as minhas palestras.

 

Siga-me no: Facebook, TwitterYouTube, InstagramMedium e Linkedin.

 
 





    Tatiane disse:
    8 de maio de 2017 às 10:56

    Fico indignada com tantos privilégios, com tantas regalias. Meu Deus! Quando isso vai mudar? Nossos políticos deveriam fazer uso das mesmas coisas que a população, deveriam sentir na pele os problemas do nosso país. Parabéns pelo artigo e pela coragem de se expressar.



    Davi Salles disse:
    10 de maio de 2017 às 23:29

    Excelente Artigo !!! Sempre estou visitando este blog, sempre tem artigo interessantes e com dicas extraordinárias….

    Parabéns !!!



    Neuzelio Lima disse:
    15 de maio de 2017 às 20:54

    è muito Triste a Situação do Nosso Pais, tudo Por Causa desses bando de corruptos, Ladroes. Ótimo Artigo, sempre venho aqui mim atualisar ta de parabens.



    Mario disse:
    16 de maio de 2017 às 11:38

    Excelente artigo! concordo plenamente, as pessoas muitas vezes querem mudanças, mas esquecem de mudar a si próprio.



    Desafio 3k disse:
    21 de maio de 2017 às 0:23

    Muito bom esse artigo. Adorando o conteúdo desse site.



    Caroline disse:
    22 de maio de 2017 às 17:13

    Pois é, concordo que mudanças são absolutamente necessárias, nos encontramos num ponto em que não tem mais jeito, precisamos mudar AGORA…



    Saxofone disse:
    24 de maio de 2017 às 8:53

    De fato não existe mundo perfeito, sempre terá algo a solucionar, mas podemos viver em um país mais justo e menos corrupto. Esperança!



    Bernardo disse:
    30 de maio de 2017 às 17:36

    Acredito fortemente que a mudança vem de cada um fazendo sua parte, meus Parabéns Ricardo!



    Cara da Foto disse:
    4 de junho de 2017 às 11:13

    Excelente conteúdo, Ricardo. Tens algum artigo que fala sobre as possíveis soluções para o Brasil daqui pra frente?



    9 de junho de 2017 às 21:33

    ta feio kkk



    Nara disse:
    14 de junho de 2017 às 9:25

    A unica coisa que sera mudado sera retirada de direitos dos trabalhadores. Impossível em um país corrupto haver negociação entre empregado e patrão.
    Sempre o patrão será o opressor e empregado oprimido.



    Vtor disse:
    5 de julho de 2017 às 21:36

    Tá complicado demais! O Brasil tem tudo pra ser ótimo, mas pelo visto, nossa geração não verá isso.



    6 de julho de 2017 às 0:54

    Incrível como sempre fomos assim e nunca mudamos, a história se repete e só depende de nós para mudá-la. Devemos nos mobilizar o quanto antes para que não seja tarde demais. Ainda tenho esperança.



    Roberta disse:
    16 de julho de 2017 às 20:18

    Sabe, eu perco as esperanças de mudanças, cada vez eu que assisto os noticiarios eu vejo como as pessoas que nos governam não tem um pingo de vergonha na cara. Quem deveria estar preocupado com o bem do país está apenas preocupado com benefícios benefícios próprios ( até mudando Leis se isso for preciso… infelizmente eu não vejo um horizonte de melhora a tendencia é só piorar ainda mais com a população que não está sendo treinada a pensar 🙁



    15 de agosto de 2017 às 15:52

    Realmente mudanças todos queremos mais quando se trata de mudarmos ai a historia já muda. Desse jeito fica complicado



    25 de agosto de 2017 às 3:40

    As mudanças precisam partir dos dirigentes. Eles é quem ditam o que acontece depois. Como em todos os lugares. Os países são reflexos da sua própria elite. E o Brasil tem uma elite que pensa pequeno, nanico.



    Camila disse:
    29 de agosto de 2017 às 17:08

    Excelente Artigo !!! Sempre estou visitando este blog, sempre tem artigo interessantes e com dicas incríveis….
    Parabéns !!!



    Alison Sela disse:
    3 de setembro de 2017 às 3:22

    Difiícil a nossa situação. Não vejo muito horizonte.



    Luciana disse:
    14 de setembro de 2017 às 11:39

    Muito bom! A união faz a força! Queremos que as coisas mudem! Mas a principal mudança tem que começar por nós mesmos.



    Luana disse:
    23 de setembro de 2017 às 16:59

    Muito bom trabalho, parabéns.



    23 de setembro de 2017 às 17:00

    Excelente como sempre.



    Belo Tijuca disse:
    23 de setembro de 2017 às 17:01

    Sempre leio seus artigos. Vale muito a pena. Ótimo.



    Tiago S. disse:
    5 de outubro de 2017 às 15:41

    Isso é do ser humano, ser resistente a mudar, mas aqueles que mudam, sempre saem na frente.



    Luciana disse:
    15 de outubro de 2017 às 9:20

    Primeira vez aqui! Gostei bastante, o texto começa com uma excelente frase que é a mais pura verdade!!!



    Aline Guedes disse:
    18 de outubro de 2017 às 10:02

    Bem coisa do ser humano isso.Todos queremos mudanças,mas não estamos dispostos a mudar. Mudanças sim,mudar não! Excelente texto. Parabens Ricardo.



    Soraya disse:
    18 de outubro de 2017 às 22:49

    Gostei deste artigo 🙂



    20 de outubro de 2017 às 13:10

    Incrível.



    Dani Santos disse:
    29 de outubro de 2017 às 21:28

    Faz a gente pensar… a verdade é que a cultura do “jeitinho brasileiro” é um mini curso de corrupção. Tá na hora de desconstruir muitos conceitos!



Deixe seu comentário