Feeds Ricardo Amorim Facebook Ricardo Amorim Twitter Ricardo Amorim Linkedin Ricardo Amorim Youtube Ricardo Amorim

Matéria sobre palestra Panorama Econômico e Impactos no Setor de Saúde do economista Ricardo Amorim.

postado em Palestras


Prefeitura de São Caetano do Sul

Por Erik Oliveira

30/5/2011

 

Profissionais da Saúde sancaetanense participam de evento

Nos próximos anos, o sistema de Saúde de São Caetano do Sul, tanto no setor público como no privado, será incrementado com dois novos equipamentos que irão melhorar ainda mais os atendimentos na cidade. Um deles, o Novo Hospital Público, está sendo construído pela Prefeitura no estacionamento do Hospital Maria Braido (Bairro Santa Paula), e o outro, uma unidade do renomado hospital particular São Luiz, está sendo edificado pela Rede D’Or ao lado do Complexo Viário Nelson Braido (Bairro Cerâmica). E com vistas a aperfeiçoar profissionais no que diz respeito à administração hospitalar, para que os atendimentos sejam eficazes e atendam as necessidades e anseios dos pacientes, funcionários da Saúde sancaetanense e do São Luiz participaram de palestras sobre modelos vencedores de gestão no sábado (28/5), na unidade Anália Franco do Hospital São Luiz, no Tatuapé. 

 

O prefeito de São Caetano foi um dos presentes na atividade. Na ocasião, o chefe do Executivo sancaetanense proferiu orientação acerca do Desenvolvimento da Saúde em São Caetano. Ele falou, entre outros temas, sobre o maciço investimento da cidade no setor de Saúde, que reflete positivamente, por exemplo, nos baixos índices de mortalidade infantil mantidos no município; da parceria estratégica mantida pelo Governo Municipal com a Faculdade de Medicina do ABC, que garante excelente qualidade nos atendimentos; e da construção de duas unidades hospitalares em São Caetano, uma pública e uma privada. 

Sobre a vinda do Grupo DOr, gestor do Hospital São Luiz, a São Caetano, especificamente, Auricchio afirmou que esse é um fato histórico à cidade, já que o município estava carente de um equipamento particular de saúde – a Prefeitura atraiu a rede D’Or graças ao projeto de lei que estimulou o investimento em Saúde, considerado importante pólo de inovação. “Fincamos uma bandeira de desenvolvimento também no ABC com a chegada do Grupo DOr, que mudará a história do atendimento privado nas cidades que compõem a nossa Região.” 

Palestras – O evento de sábado na unidade Anália Franco do Hospital São Luiz, no Tatuapé, também foi marcado por palavras do diretor-presidente da Rede D’Or, Jorge Moll Filho; e por palestras com o economista Ricardo Amorim e com o médico Ruy Bevilacqua, diretor-médico do Hospital São Luiz. “Essa atividade é de extrema importância para que os atendimentos da futura unidade São Caetano do Hospital São Luiz estejam totalmente integrados à nossa rede”, observou Moll. 

Já o economista Ricardo Amorim, da Ricam Consultoria Empresarial, ministrou palestra com a temática Panorama Econômico e Impactos no Setor de Saúde, em que discorreu a respeito dos reflexos que as mudanças econômicas mundiais terão no segmento de saúde nos próximos anos. “As demandas específicas do setor de saúde terão de ser ouvidas pelos laboratórios, ou eles ficarão para trás”, disse ele, entre outras situações. 

O médico Ruy Bevilacqua, diretor-médico do Hospital São Luiz, por sua vez, abordou a temática A Qualidade Assistencial como Ferramenta de Gerenciamento. Ele traçou um parâmetro sobre a história desenvolvimentista do Hospital São Luiz e destacou sobre os processos que devem ser utilizados para se adotar uma boa gestão em hospitais públicos e privados. “As chaves para o sucesso são a administração das finanças, contratos assistenciais e administrativos bem feitos, qualidade clínica e a criteriosa seleção das pessoas que atuam nos espaços.”





    27 de junho de 2017 às 17:15

    Conheço São Caetano e noto a diferença no setor da saúde da cidade.



Deixe seu comentário