Feeds Ricardo Amorim Facebook Ricardo Amorim Twitter Ricardo Amorim Linkedin Ricardo Amorim Youtube Ricardo Amorim

Em encontro com investidores da Finacap, Ricardo Amorim faz palestra sobre novos cenários e tendências da economia.

postado em Palestras


13/12/2010

Newsletter FINACAP

 

O destaque desta edição do Informativo Fiancap é a repercussão do Encontro com Investidores que contou com a participação do economista Ricardo Amorim. Aqui você vai poder conferir os principais comentários e as perspectivas do consultor, que também é debatedor do programa Manhattan Connnection do canal GNT e colunista na Revista Isto É, para economia do Brasil e do Mundo.

 A segunda edição do Encontro com Investidores de 2010 trouxe ao Recife o economista Ricardo Amorim. Em palestra almoço no JCPM Trade Center, que contou com a participação de aproximadamente 120 investidores do mercado de capitais, foram debatidos novos cenários e tendências da economia, além do mercado de ações e suas perspectivas.

 Ricardo Amorim iniciou sua abordagem observando que desde a virada do milênio, o centro de gravidade do crescimento mundial vem saindo dos Estados Unidos e Europa e indo em direção aos mercados emergentes. “Esta é a hora e a vez dos emergentes. Países como Índia, China, Rússia e Brasil podem produzir a preços mais competitivos, pois a oferta de mão de obra é grande e mais barata. E este custo menor de fabricação é repassado para o consumidor com produtos mais baratos”, comenta o economista.

Para ele, os efeitos negativos das crises imobiliária e financeira nos países ricos intensificarão na próxima década, beneficiando o Brasil devido a um forte crescimento na demanda de produtos em que somos competitivos, particularmente agronegócio e matérias-primas, e um aumento significativo da oferta de capitais, renda e crédito no país. “Nas próximas décadas, o PIB brasileiro deverá crescer duas vezes mais rápido do que nas três últimas décadas”, afirma. Para Ricardo Amorim os setores que devem ser mais beneficiados são agronegócios, varejo e serviço.

 “As perspectivas de médio e longo prazo do mercado acionário brasileiro são ótimas, mas os preços já estão relativamente elevados em relação a padrões históricos”, diz. Mas ele alerta, no entanto, vulnerabilidades externas, nova recessão nos EUA, crise soberana na Europa ou Japão, entre outros, podem causar correções de mercado que tornem os preços brasileiros atraentes, sem reverter os fundamentos favoráveis de longo prazo, proporcionando uma nova oportunidade única de compra de ações brasileiras a preços muito atraentes, como no final de 2008.





Deixe seu comentário

Acompanhe Ricardo Amorim na mídia
Istoe

Artigos do Ricardo Amorim
/ LEIA

Manhattan Connection

Desde 2003, Ricardo é apresentador do Manhattan Connection, atualmente no canal Globo News
/ VEJA

Radio Eldorado

A economia pode ser um agente poderoso de transformação
/ CURTA


Opinião de Ricardo Amorim - Economista Independente