Feeds Ricardo Amorim Facebook Ricardo Amorim Twitter Ricardo Amorim Linkedin Ricardo Amorim Youtube Ricardo Amorim

Como o Brasil pode voltar a crescer nos próximos quatro anos? #RicardoResponde

postado em #RicardoResponde


O primeiro fator fundamental é retomar confiança, tanto de empresários quanto de consumidores. O consumidor com medo não compra. O empresário preocupado não investe. Se ele não investe, ele não gera emprego, e mais, ele começa a mandar gente embora. Por exemplo, de um ano para cá, no Brasil, foram criados 600 mil empregos, só que, nas 12 maiores capitais brasileiras, o número de vagas caiu em 400 mil, e no interior foi gerado 1 milhão. Então, o interior ainda está indo bem, mas as capitais já estão mandando mais gente embora do que contratando. Precisamos reverter isso. Mas como? Basicamente, mostrando para o empresário que, ao contrário do que foi feito no primeiro mandato, a partir de agora, Dilma vai ver o setor privado como um parceiro. O segundo aspecto fundamental para mim: precisa aumentar a produtividade da economia brasileira. Investindo em educação, treinamento e melhora de regulamentação do país. Por exemplo, a gente precisa de infraestrutura. Educação: Brasil precisa ter um choque de gestão em qualidade de educação de ensino básico, fundamental e médio. Como é que você faz isso? Pegando casos de sucesso. Eles já existem, não precisamos reinventar a roda. Vou dar um exemplo: Sobral, no Ceará, e uma cidade no interior do Piauí, Teresina. Essas duas cidades têm, hoje, média no Enem melhores que a de cidade grandes, com um gasto por aluno que é uma fração do que é gasto em São Paulo. O ponto é: a gente precisa copiar, parar de querer dar desculpa do porquê não dá certo ou aumentar a quantidade de dinheiro no que não dá certo. “Então vamos gastar 10% do PIB em educação.” Nenhum país do mundo tem esse custo em educação, e a maioria tem resultados muito melhores.
 
 





Deixe seu comentário